Jejum de Daniel

Quero glorificar e honrar o nome de Deus através daquilo que foi declarado, daquilo que foi gerado e movido em ato profético.
Há 3 anos num jejum de Daniel coloquei vários itens que eu queria como mimo de Deus, entre eles, um carro e um novo emprego como fisioterapeuta.
Num agapoint da sede (2016), precisávamos apresentar simbolicamente aquilo que queríamos que Deus nos abençoasse, ou aquilo que poderia estar retido, enfim, me recordo de ter apresentado um chaveiro, crendo que aquele chaveiro um dia iria pertencer a chave do meu carro, sendo persistente em oração, algo pedido em Jejum de Daniel, porém não esquecido. Pesquisei carros, propostas, modelos, mas Deus sempre pedia para ter confiança das bênçãos, pois seria no tempo e jeito dele. Ok! RS
Há algumas semanas na campanha que participei, “Ele disse, ele realizará” acredito que 3 culto, levei minha carteira de identidade profissional, para que Deus movesse nessa área e cumprisse, foi declarado pelo pastor João, que se eu focasse eu iria dar uma guinada na área profissional e diante de pessoas eu diria: Esse é o Deus que eu sirvo, e que isso seria muito rápido. Recentemente foi dado o Start, foi realizado uma proposta numa escola aqui da região para eu dar aula de anatomia num curso profissionalizante e, diante disso houve a oportunidade de eu adquirir o meu carro! Esse carro, estava entre os modelos que pesquisei, e muito melhor do que imaginei e esperava encontrar. E recordo que tenho anotado que no dia 12/12/15 a presb. Marly me profetizou um carro após um ensaio da cantata de Natal.
Encorajo aos irmãos a participarem e serem fiéis nesse propósito, e mesmo depois de terminar os 21 dias, permanecer crendo, orando e insistindo pois assim como foi com Daniel, nossas orações foram ouvidas mas as batalhas precisam ser vencidas para que as bênçãos sejam entregues através de nossas orações.


REBELC ELLEN OLIVEIRA 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *